PELA TUA SAÚDE

A gravidade dos problemas de saúde pública torna urgente a mobilização efetiva da comunidade escolar, com envolvência direta dos jovens, como agentes de divulgação e sensibilização dos seus pares. 

A componente educacional revela-se de suma importância, na medida em que a escola é o local privilegiado para expor e debater ideias, clarificar conceitos e promover atitudes, numa perspetiva de articulação vertical, de jovens para jovens.  

A resolução dos problemas de saúde pública, passa certamente pelo avanço científico e tecnológico mas, acima de tudo, pela tomada de consciência de todos os indivíduos da necessidade de alterarem hábitos de vida. É neste âmbito que a escola representa um veículo privilegiado para a promoção de atividades que permitam aos jovens envolverem-se na sensibilização/informação dos seus pares, assumindo compromissos e responsabilidades. 

O envolvimento das escolas do agrupamento num projeto abrangente, revê-se numa perspetiva global de ação no desenvolvimento de Ensino-Aprendizagem dos seus jovens, integrando diferentes ciclos de ensino, diferentes realidades escolares e promovendo uma maior proximidade dos alunos do ensino básico com os do ensino secundário. 

OBJETIVOS GERAIS:

// Estimular a adoção de comportamentos e hábitos de vida saudáveis, de responsabilidade e de participação ativa na sociedade.  

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

// Sensibilizar para a adoção de hábitos de vida saudáveis, partindo de comportamentos comuns entre os jovens. 
// Desenvolver a prática de intervenção na comunidade, com os alunos do ensino profissional, na área vocacional do curso – saúde. 
// Melhorar as práticas pedagógicas no agrupamento, promovendo a articulação vertical, contribuindo para uma maior proximidade entre as escolas, divulgando percursos formativos.  

METAS:

// Sensibilizar professores de vários graus de ensino no agrupamento, para a participação ativa das suas turmas no projeto, recebendo e participando nas atividades propostas pelos alunos do curso TAS e trabalhando os temas abordados com os seus alunos. 
// Contribuir para que os alunos da turma TAS sejam agentes de divulgação e sensibilização dos seus pares, em temáticas relacionadas com hábitos de vida saudáveis.

COORDENAÇÃO
Engrácia Bernardo 
Maria João Souza

DOCUMENTOS

 

COORDENAÇÃO
Engrácia Bernardo 
Maria João Souza

DOCUMENTOS

GALERIA AUDIOVISUAL

DESTAQUES

VI COLÓQUIO “PROJETO PROFISSIONAL – PRESTAR CUIDADOS DE SAÚDE”

Decorreu, no dia 16 de maio, o VI Colóquio “Projeto Profissional – Prestar Cuidados de Saúde”. Na sessão de abertura estiveram presentes o Diretor do AERC e o Presidente da Junta da Freguesia do Laranjeiro-Feijó. O colóquio contou com a participação de médicos, enfermeiros, técnicos auxiliares de saúde, professoras universitárias (Instituto Universitário Egas Moniz e Instituto Politécnico de Setúbal) e da psicóloga do agrupamento.

VI COLÓQUIO “PROJETO PROFISSIONAL – PRESTAR CUIDADOS DE SAÚDE”

Decorreu, no dia 16 de maio, o VI Colóquio “Projeto Profissional – Prestar Cuidados de Saúde”. Na sessão de abertura estiveram presentes o Diretor do AERC e o Presidente da Junta da Freguesia do Laranjeiro-Feijó. O colóquio contou com a participação de médicos, enfermeiros, técnicos auxiliares de saúde, professoras universitárias (Instituto Universitário Egas Moniz e Instituto Politécnico de Setúbal) e da psicóloga do agrupamento.

VI COLÓQUIO “PROJETO PROFISSIONAL – PRESTAR CUIDADOS DE SAÚDE”

Decorreu, no dia 16 de maio, o VI Colóquio “Projeto Profissional – Prestar Cuidados de Saúde”. Na sessão de abertura estiveram presentes o Diretor do AERC e o Presidente da Junta da Freguesia do Laranjeiro-Feijó. O colóquio contou com a participação de médicos, enfermeiros, técnicos auxiliares de saúde, professoras universitárias (Instituto Universitário Egas Moniz e Instituto Politécnico de Setúbal) e da psicóloga do agrupamento.